You are currently viewing Novas tecnologias na Terra e a abertura dos canais mediúnicos

Esse texto contém códigos de ativação que agem no DNA. Para acessar esse texto, sugiro que coloque o som de golfinhos ao fundo e separe um copo com água para beber após a leitura (para playlist, clique aqui). Outra sugestão para este texto especificamente é utilizar música clássica ao fundo durante a leitura.


Novas tecnologias na Terra e a abertura dos canais mediúnicos

Saudações, amados. Estamos aqui a serviço a partir de um chamado para esclarecer algumas questões.

Vocês estão atravessando na Terra tempos fortes de atualização de seus corpos físicos e de sua rede neural. O seu DNA está sendo atualizado e isso gera um efeito dominó por todo o seu corpo. Alguns dos resultados desse “efeito dominó” são taquicardia, zumbido no ouvido, dores de cabeça, enxaqueca e falta de ar. Percebam com atenção e cautela que resultados desarmônicos em seus corpos são um chamado para os ajustes necessários: são sinais de seus corpos para que investiguem as causas profundas desses efeitos. Algumas delas têm origem em realidades paralelas (vidas passadas) ou têm suas raízes em outras dimensões, outros corpos, níveis e subníveis. Atenção: qualquer desconforto deve ser investigado através da consciência desperta de que o seu corpo é um aparelho físico que comporta em si todo um campo espiritual de conexão a múltiplas dimensões. É necessário que a partir de agora passem a enxergar genuinamente seus corpos como a ponta física de toda uma realidade além da Terra, que está conectada a outras dimensões, a outras realidades. Um exemplo disso é o momento do sono. O seu corpo físico adormece mas, ao mesmo tempo, ocorre uma atividade intensa no astral. Assim é o tempo todo, não somente no sono. Vocês estão o tempo todo se conectando e se desconectando de outras realidades (como as memórias de outras vidas). Imaginem fios de energia que saem de seus corpos e esses fios, como fios de telefone ou internet, se ligam e se desligam de outros pontos no astral. Esses outros pontos são fractais de outras vidas, mas também partes de vocês em outras realidades, que acontecem ao mesmo tempo. Lembrem-se que o tempo é também uma percepção terrena. Sabemos que pode ser desafiador compreender essas conexões através da mente linear e por isso tentamos simplificar essa explicação. Compreendam, a princípio, somente que vocês se conectam e se desconectam de realidades o tempo todo, a partir das situações, sentimentos e emoções que vivenciam na Terra. 

Lembrem-se também que muitos de vocês são enviados a serviço para este tempo na Terra. E é agora, após a pandemia, o chamado para o despertar deste servir. Por este motivo, está ocorrendo um despertar em massa da mediunidade humana. Imaginem, para facilitar a compreensão, que muitos de vocês encarnaram com caixinhas, dispositivos, que guardam certa sabedoria, habilidades mediúnicas específicas. Essas caixinhas foram programadas para se abrir no tempo certo, liberando o potencial dessa sabedoria para manifestação. Essas caixas são os códigos em seu DNA. A atualização do DNA é o que causa o despertar das habilidades de comunicação com as outras esferas além da Terra e também com as realidades existentes no campo astral do planeta. Estamos falando também do intraterreno e das cidades astrais que existem ao redor e dentro da Terra. Assim também é em outros planetas de todo o Sistema. 

O processo de evolução na Terra desencadeia uma rede de ativações e permissões que promovem a ascensão de todo o Sistema Solar. É uma reação em cadeia e por isso esse tempo na Terra é de tanta importância e vem sendo tão vigiado, cautelosamente amparado há eras por trabalhadores da Luz de altas esferas e também de grande interesse do que podemos chamar de forças contrárias.

Sobre a pandemia

Este é um tempo de atualização genética. Procurem observar o chamado iminente em seus corações nos últimos anos. Uma grande oportunidade de revisão lhes foi dada. Revisem, portanto, as escolhas que têm feito com seus corpos, relacionamentos e atividades. A vida na Terra é uma verdadeira escola e cada escolha lhes proporciona grande aprendizado. É preciso consciência desperta para processar este aprendizado com maestria. Estudem os filósofos e pensadores antigos e saberão administrar cada vez melhor esses sentimentos e emoções, no sentido de extrair os aprendizados que cada situação e sentimento pode despertar. Essa é a conexão com o coração: enxergar a partir da neutralidade cada sentimento e com ele o seu aprendizado, para que possam seguir evoluindo no Amor e na Luz da consciência.

Sobre mestres e gurus espirituais

Agora mais do que nunca na história da humanidade, vocês precisam se conectar com o Eu Sou, a Divindade que opera através de cada um de vocês, quem realmente são além da matéria e além mesmo de expressões extraterrenas. Sugerimos, então, que não levem como absoluta verdade nada que não ressoar profundamente em seus corações. Considerem para a sua caminhada somente aquilo que o seu coração enxerga como verdade. A “verdade” pode ser relativa pois cada ser humano tem uma caminhada de muitas eras e suas memórias no inconsciente. Um exemplo: é possível que um de vocês tenha resistência com certa religião devido a registros akáshicos conectados a situações onde sofreu perseguição ou mal trato por seguidores desta religião. Essa memória opera no inconsciente enviando sinais de que este não é o caminho. Já para outra pessoa, com outras passagens, a mesma religião pode fazer sentido e ser uma força que impulsiona este espírito para a sua evolução. Não se comparem. Não levem nada como verdade além do que ressoar em seu coração, pois o tempo todo estão operando de forma inconsciente com registros e outras forças desta e de outras dimensões. Para separar aquilo que faz sentido no coração e o que não faz, em sua jornada particular, experimente e perceba o seu corpo. O corpo é um aparelho espiritual e físico. Um aparelho na matéria que comporta e acopla este espírito que o anima na Terra. Este aparelho é de grande sabedoria. Sintam os seus corpos e terão todas as respostas. Este não é um mecanismo mental. Desconectar das falas da mente para sentir o corpo é também um aprendizado. A mente, devido a sua forma de operação, é um local de possíveis aberturas para a entrada de interferências de forma muito sutil, que muitas vezes passam despercebidas. Atentem-se aos seus corpos e percebam os seus sinais. 

Sobre canalizações

Por conta da abertura da mediunidade em massa (as caixinhas que vão se abrindo no tempo certo, despertando as sabedorias até então adormecidas) é natural que um número maior de pessoas torne-se aberto para receber canalizações e para perceber o contato com seres de outras esferas. Isso é real. Atentem-se, contudo, à vibração daquilo que é transmitido. A vibração conta a frequência de quem vem transmitir uma mensagem ou tecnologia. Se a transmissão parecer confusa, respire fundo, chame por seus mentores pessoais e se afaste da atividade naquele momento. A energia da confusão opera na mente e abre portas para interferências transmitirem sua informação. Neste caso, para operar de forma cristalina, precisam primeiramente limpar os seus corpos das toxinas que vêm consumindo há muitas eras. Aqui estamos falando do consumo de carne animal, remédios, alimentos industrializados que contém um excesso de químicos, entre outras questões. É importante lembrar que cada indivíduo tem a sua passagem e o seu aparelho e deve, a partir de seu coração e da conexão com os seus mentores pessoais, perceber as instruções a serem seguidas. Não considerem nem mesmo a nós, mentores de outras esferas, como guias espirituais que transmitirão uma verdade absoluta: vocês têm sempre o livre arbítrio para escolher e caminhar. Muitas vezes se deparam com um tipo de imagem ou energia e a intenção por trás daquela aparição ou contato não é o que parece em um primeiro momento. Vocês se perdem no ego, muitas vezes na vontade de servir e auxiliar. Não servirão de forma genuína se falharem em primeiro lugar com vocês mesmos. Não servirão de forma genuína se falharem com a sua verdade. Atenção a essa verdade; questionem: isso é a minha verdade ou assumo esta posição porque é confortável para mim? Por exemplo, um mentor transmite a informação de que é necessário cessar o consumo de carne animal. Se esta informação não fizer sentido no seu coração, não dê seguimento a materialização dessa instrução. Essas instruções podem ser simples como acender uma vela ou tomar um copo de água. Podem ser instruções referentes a, por exemplo, fazer uso de alguma medicina. Caso a informação transmitida não ressoar no mais profundo de seu coração, interrompa o processo, se afaste e reflita sobre a instrução. Esta não é uma reflexão mental, mas a integração desse chamado em seu coração. Ele está mesmo lá, em seu coração, e seus guias somente te auxiliaram a fazer esta leitura? Ou este chamado não está lá, é algo que vem “de fora” e que não faz sentido em seu coração? Se a informação ou instrução transmitida habitar o seu coração, reflita se a resistência que você sente é somente para permanecer no conforto. No exemplo dado, cessar o consumo de carne, um hábito de muitos anos, pode ser desconfortável, e então a instrução é invalidada por um mecanismo de autossabotagem do ego. Resumindo, questionem-se: essa instrução está em meu coração? Estou resistindo por não querer sair de meu conforto? A vibração que transmitiu essa informação ou verdade era serena, leve, elevada? Ou era confusa, autoritária, não amorosa? Observem minuciosamente os seus processos pessoais nesta questão. Atenção, pois a forma como operam sistematicamente (padrões repetitivos do ego como  o “não gostar” de receber instruções ou de que se comuniquem com você de uma forma específica)pode ser acionada neste processo de transmissão de instruções. Conheçam a si mesmos profundamente para não cair em armadilhas nestes momentos. Conectem-se sempre que em dúvida às forças amorosas que lhes amparam através de seu coração.

Respire profundamente três vezes para dar seguimento.

Sobre a abertura dos canais mediúnicos

Vocês estão despertando para uma nova realidade onde daqui a uns anos poderão, por exemplo, se comunicar por telepatia, mover objetos e manipular energia de formas ainda desconhecidas por vocês nesta passagem. Para que essas habilidades sejam permitidas no planeta é evidentemente necessário que a humanidade como um todo alcance certa vibração. Esta vibração, de unidade e harmonia, é o que permite a manifestação de habilidades como estas. O despertar dessa sabedoria ocorre aos poucos e de forma gradativa. Inicia-se, por exemplo, uma forma de contato telepático que aos poucos vai evoluindo até tornar-se/despertar a habilidade da telepatia totalmente integrada. Este processo pode levar anos e muitas vidas e acontece conforme a evolução de cada um. Para esta evolução, é preciso entrega e integridade. Entrega ao servir e integridade com a sua verdade e com a sua caminhada. Aqui está a humildade: saber reconhecer-se pronto ou não para integrar tal habilidade. Questionem-se: o que eu faria com esta habilidade desperta? Qual o meu interesse genuíno em exercer tal habilidade? Esta habilidade pode ser a telepatia como citada no exemplo ou a manipulação energética, a habilidade de receber códigos estelares, sistemas de curas… Muitas delas já despertas em muitos seres humanos. Para aqueles que estão no processo deste despertar, que estão no desenvolvimento dessas habilidades, questionem-se: qual a minha VERDADEIRA intenção em manifestar tal habilidade? Atentem-se para armadilhas do ego ao obter esta resposta. 

Sobre instrumentos de poder e as medicinas

Recomendamos que mantenham os seus corpos físicos o mais limpo o possível neste momento, e a partir dele. O processo da Terra é agora ascensional. Seus corpos estão se modificando. Questionem-se, então: o uso desta medicina me auxilia verdadeiramente em meu processo? Sinto que preciso desta medicina para o meu avanço espiritual? Vocês podem usufruir de muitas ferramentas para o despertar do DNA e dos dons mediúnicos como consequência, mas nada deve ser usado como rota de atalho. Neste caso, ou seja, quando uma ferramenta é usada para despertar um dom que só se abre a partir deste uso, reflita a respeito da integridade desta prática. Entorpecentes e ferramentas para a expansão da consciência não devem ser usadas como paliativos para abertura mediúnica. (“Paliativo: que tem a qualidade de acalmar, de abrandar temporariamente um mal/que serve para atenuar um mal ou protelar uma crise”). Não devem ser usados para alterar um estado de espírito. 

Sobre a rede/internet

A internet é uma ferramenta para conexão mas que, em um planeta de dualidade, tem a sua outra polaridade também atuante: a desconexão. Observem o uso do celular e demais dispositivos em ambiente familiares e em sua rotina. Até mesmo os sistemas de trabalho devem ser questionados quanto ao uso de dispositivos. O quanto essa conexão é realmente útil e saudável? Em que ponto ela passa a extenuar o corpo físico, gerando cansaço, frustração e estafa mental? Mais profundamente sobre a internet, existem, sim, acessos, sabedorias e tecnologias que não devem ser transmitidas na rede/internet, devido a exposição que essa transmissão causaria. Experimente pensar da seguinte forma: você recebe um precioso diamante capaz de atuar em muitos níveis de cura e informação. A exposição deste diamante o torna acessível para diversas forças. Ele continuará operando da mesma forma após a sua exposição? Expor este instrumento o torna acessível para que outras energias o encontrem e alterem a sua informação. Estendam esse raciocínio não somente para as suas ferramentas (cristais, tecnologias) mas também para os seus relacionamentos, conexões e conquistas. Toda a energia exibida na rede/internet é exposta para que seja acessada por muitas frequências. Aquilo que deve ser preservado, que o seu coração sente de preservar, não precisa ou deve ser exposto. Hajam com o coração, questionando-se: “qual é o sentimento genuíno que me leva a expor tal situação?”; “o que eu realmente busco ao expor tal situação?”; “é uma partilha genuína para uma celebração ou busco provar um ponto?”, “estou em busca de algum tipo de reconhecimento?”; “com essa exposição, busco mostrar ser alguém, ou ter me tornado alguém, ou que cheguei a algum lugar?”. Compreendam o verdadeiro motivo por trás dessas exposições e lembrem-se: tudo é energia. Se a energia colocada na ação da exposição é genuinamente de inspiração ou celebração, é esta a vibração que ela estará emanando àqueles que a alcançarem e portanto mais do mesmo chegará por ressonância. Entendam, porém, que a exibição em rede é para larga escala e para todos os tipos de vibração, impossibilitando assim uma guarnição completa do campo daquilo que é exposto em relação a energias de interferência.

Sobre cobrar financeiramente por trabalhos espirituais

Novamente sugerimos que questionem a verdadeira intenção por trás de cada atividade, ação, decisão ou pensamento. Qual a intenção em exercer tal atividade? A intenção genuína está no servir ou no retorno aquisitivo, na troca financeira? É preciso ainda percorrer um longo caminho em para ressignificar a energia do dinheiro, em relação à humanidade. Muitos ainda operam de forma inconsciente em memórias de corrupção e escassez. Mais uma vez, tudo é energia. Dinheiro é também energia de manifestação e o que é realizado com ele é uma extensão das intenções primárias de cada um. É uma força de expansão pois tem a capacidade de trazer para o plano material o que antes estava no plano das intenções. Muitas linhas de serviço julgam que não se deve cobrar por trabalhos espirituais. Na verdade, todo o trabalho é espiritual. Toda função na Terra é espiritual porque a vida na Terra é, antes de mais nada, espiritual. Em relação aos dons mediúnicos, mais uma vez questionem-se sobre a intenção. Seria mostrar sabedoria? Mostrar que se tem um alcance aparentemente “superior” ao das outras pessoas? Mostrar que se tem um dom extraodinário? Ou de fato atuar a serviço? Usufruir desta habilidade para acessar campos e manifestar a verdadeira cura? Ou para ancorar códigos e informações para a expansão da consciência? Ou simplesmente ganhar dinheiro para suprir as necessidades? A garantia de um trabalho cristalino está na intenção de sua manifestação. É extremamente importante que, neste tempo na Terra, as pessoas invistam em autoconhecimento. Somente conhecendo-se profundamente é possível identificar os padrões de interferência e as verdadeiras intenções por trás de cada manifestação.

Sobre intenção

Percebam, amados, que a intenção é um guia em seu caminho. Observem que para muitos dos campos aqui trabalhados, para muitos dos questionamentos, a resposta é: conheçam suas profundezas e percebam a sua verdadeira intenção. O autoconhecimento é uma poderosa chave para que vocês possam caminhar com maestria por esses campos, aprendendo a identificar o medo, a autossabotagem, a vontade de ficar no conforto e portanto a dificuldade de criar movimento, e tantos outros padrões conscientes e inconscientes do ego. Assim, poderão se conectar sem dúvidas à verdadeira intenção de cada ação e manifestação, garantindo um campo cristalino para a manifestação do seu servir. O campo então atua por ressonância. É simples assim. A complexidade pode parecer estar em conhecer as suas profundezas, olhar para os lugares que muitas vezes vocês têm medo de olhar, mas que são as curas mais transformadoras que poderão alcançar.

Deixamos essa mensagem de amor e esperança. As sementes estelares estão em seu despertar e essas são orientações preciosas para que caminhem em consciência e verdade. 

Mensagem transmitida pelos Arcturianos.


Para atendimentos com a Cura Estelar, clique aqui